Pular para o conteúdo principal

PARADA DE ORGULHO OU VERGONHA?

A bíblia é clara quando diz que o homossexualismo é pecado:

"Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus." (I Coríntios 6.10)

O pecado faz separação entre o homem e Deus. Aquele que se arrepende do pecado, aceitando Jesus como único Salvador alcança misericórdia e abre caminho para  viver uma nova vida e ao morrer viverá eternamente com Cristo. Ao contrário destes, quem não se arrepende e continua pecando, receberá como salário a morte e estará sujeito a condenação eterna. Dito isto, pergunto: desde quando estar vivendo em pecado é motivo de orgulho? Desde quando viver uma vida que te leva a perdição é motivo de alegria?

Assim é a Parada do Orgulho Gay, como o próprio nome diz é orgulho e alegria de muitos. Mas, claramente desobediência e afronta a Deus e a Sua palavra. Ocorrida ontem em São Paulo, completou 15 anos.  É considerada como uma das maiores do mundo, atrai muita gente, inclusive vários políticos, uns apoiadores do movimento, outros só para se aparecer. Vários foram os eventos paralelos a estes, inclusive, um casamento coletivo homossexual.

Deus formou o homem e a mulher e viu que era bom. O homem insatisfeito, visivelmente influenciado por uma força maligna, contrária a Deus, desenvolve uma terceira opção sexual e se diz orgulhoso pela sua rebeldia. Agora desfrutando de um comportamento promíscuo, afunda-se mais e mais no pecado. Invoca o amor de Deus e clama por tolerância, mas, não aceita correção e mudança de vida que são intrisecos a este amor divino.

"Este é um momento de democracia", gritava uma das participantes da passeata, entrevistada na televisão. Realmente, no Brasil, ainda se pode manifestar-se publicamente, independente de qual seja o seu pensamento. Até "Marcha da Maconha" o nosso Supremo Tribunal Federal permitiu. Mas isto não é motivo para orgulho. É vergonhoso a maneira como são deturpados os valores da nossa sociedade e da família.  Esta liberdade exaltada pelos participantes do movimento homossexual é a mesma que eles tirarão de nós, se projetos de leis como o PL 122 forem aprovados. Também é a mesma que retirarão se forem entregues pelo governo nas escolas, sem aprovação dos pais, livros como os que compõe o Kit Gay, que impõe a homossexualidade aos nossos filhos.

Não podemos ter orgulho de uma passeata com milhares de pessoas, envolvidas num mesmo sentimento, que desafiam a Deus, desfilando seus pecados, como se isto fosse uma vitória, não percebendo que estão se perdendo num caminho que pode não ter volta.

Tudo isto não pode trazer orgulho, somente tristeza. Tristeza por ter um Deus que nos ama e cuida de nós, mas que é desprezado e zombado por estes que assim se conduzem. Não, não podemos impor a eles os nossos sentimentos, a nossa vontade. Podemos amá-los e corrigi-los sempre que possível, mostrando o caminho e a bússola que é a Palavra de Deus. Aqueles que quiserem mudança, poderão conseguir. Já os que não querem, continuarão pecando orgulhosamente. Como diz um conhecido âncora da  tv brasileira: "Isto é uma vergonha!"

Que Deus tenha misericórdia!
"Se eu não viera, nem lhes houvera falado, não teriam pecado, mas agora não têm desculpa do seu pecado." (João 15.22)

Sem mais, fiquem na Paz!

Postagens mais visitadas deste blog

O QUE EU FAÇO NÃO ENTENDES AGORA!

Pedro não estava entendendo o gesto de Jesus em lavar os pés dos discípulos e não queria aceitar aquela atitude do Mestre. Mas Jesus sabia o que estava fazendo e queria mostrar mostrar algo mais para eles.

“Respondeu-lhe Jesus: O que eu faço, tu não o sabes agora; mas depois o entenderás” (João 13.7)
Quando Jesus nos promete algo, a nossa ansiedade nos leva a querer saber o que irá acontecer, como Ele vai fazer, quando vai ocorrer. Não raramente acabamos por querer influenciar de alguma maneira. Buscamos situações que se encaixam naquilo que Ele prometeu. Se é benção material pensamos na origem do dinheiro, como virá, será que vou ganhar algum prêmio? Será que vou receber de alguém? Se é benção espiritual, achamos que acontecerá no dia em que vem um pregador de renome na igreja ou um irmão com dons espirituais. Quando não ocorre nestas ocasiões costumamos nos entristecer e desanimar e em casos mais extremos pensarmos que não ocorrerá mais.
Mas, não se preocupe! Em Isaías 55:9 está escrit…

PERDER PARA GANHAR!

Todo ser humano gosta de competir, mostrar força, inteligência e habilidade. Somos criados assim. Desde os primeiros anos escolares nos incentivam a sermos melhores na escola, nos jogos, nas brincadeiras. Na faculdade, somos levados a olhar nossos colegas de classe como concorrentes no mercado de trabalho e por isso precisamos ser melhor que eles e assim vai. Não aceitamos perder, temos que ganhar sempre.  Mas e quando a perda chega ? Como lidaremos com ela? Estamos preparados para perder?

Quando olhamos para a Igreja contemplamos muitos que permanecem na visão do ganhar sempre. Frequentam a igreja buscando conseguir carros, casas, bons salários, enfim, toda sorte de bençãos materiais.

Deus em sua infinita sabedoria não vê como o homem e consequentemente trabalha de maneira diferente.  O trabalhar de Deus na vida do homem envolve perdas. O o mais importante para Ele é a Salvação do ser humano.

"Pois, que aproveitaria ao homem ganhar todo o mundo e perder a sua alma?" Marcos …