Pular para o conteúdo principal

QUAL CAMINHO DEVO SEGUIR ?


Quantas vezes já ouvimos alguém dizer: "todos os caminhos levam a Deus"?. Certamente foram muitas, afinal, a frase é desprovida de compromisso, não é preciso tomar nenhuma decisão. Se todos me levam, para que escolher? De qualquer jeito eu chego lá. Então pergunto: se você vai viajar, todas as estradas fazem você chegar ao seu destino? Se vai a praia, qualquer caminho vai te levar?

Assim também é para com Deus. Não podemos pegar qualquer caminho. Jesus disse: " Eu sou o caminho, a verdade e a vida: ninguém vai ao Pai a não ser por mim(João 14.16)" . Outro caminho pode levar até a morte: " Há um caminho que parece direito ao homem, mas o seu fim são os caminhos da morte.(Proverbios 14.12)."  Então para que correr riscos?

Costumo comparar o caminho que nos leva para Deus como rodovias, destas privatizadas. Aqui em São Paulo podemos falar da Castelo Branco, Bandeirantes entre outras. São seguras, tem locais para paradas, acostamentos, são bem sinalizadas, tem telefones de emergência e resgate se necessário.

O caminho que nos leva a Deus também é assim. Ninguém consegue fazer um caminho igual pois é perfeito: " O caminho de Deus é perfeito.... (II Samuel 22.31)". O caminho é plano, não precisa ter medo, pode andar com segurança. Caso ocorra algum problema, use o telefone de emergência que é a oração e Deus envia o resgate para ajudar.

Este caminho também é bem iluminado: "Lâmpada para os meus pés é a tua palavra e, luz para os meus caminhos (Salmos 119.105). Se estiver em dúvida ou confuso o Senhor vem e ensina o caminho:"Faze-me ouvir, pela manhã, da tua graça, pois em ti confio; mostra-me o caminho por onde devo andar, porque a ti elevo a minha alma (Salmos 143.8)".

Este caminho é gostoso de andar , tem paz, sabe por que? Porque foi feito com amor: " Os seus caminhos são caminhos deliciosos, e todas as suas veredas, paz (Proverbios 3.17)."  Tem também os olhos de Deus sobre nós como as câmeras de segurança em todo o percurso. Mas e o preço a  pagar? Tem pedágio?

Sim, temos um preço, são as provas que passamos e que não podemos nos desviar. Elas nos trazem paciência, perseverança e esperança. Durante todo o percurso aprendemos. Com isto, podemos ensinar outros que estão no caminho, servirá também para que adiante não tenhamos dificuldades para prosseguir.

Não tente outro caminho pois são estradas sem final, que conduzem ao abismo. São dificeis, escuros e podem causar acidentes: "O caminho dos ímpios é como a escuridão; nem sabem em que tropeçam.(Provérbios 4.19)." Também não fique na beira do caminho. Entre nele e siga a Jesus!

Sem mais, fiquem na Paz

Fábio

Postagens mais visitadas deste blog

O QUE EU FAÇO NÃO ENTENDES AGORA!

Pedro não estava entendendo o gesto de Jesus em lavar os pés dos discípulos e não queria aceitar aquela atitude do Mestre. Mas Jesus sabia o que estava fazendo e queria mostrar mostrar algo mais para eles.

“Respondeu-lhe Jesus: O que eu faço, tu não o sabes agora; mas depois o entenderás” (João 13.7)
Quando Jesus nos promete algo, a nossa ansiedade nos leva a querer saber o que irá acontecer, como Ele vai fazer, quando vai ocorrer. Não raramente acabamos por querer influenciar de alguma maneira. Buscamos situações que se encaixam naquilo que Ele prometeu. Se é benção material pensamos na origem do dinheiro, como virá, será que vou ganhar algum prêmio? Será que vou receber de alguém? Se é benção espiritual, achamos que acontecerá no dia em que vem um pregador de renome na igreja ou um irmão com dons espirituais. Quando não ocorre nestas ocasiões costumamos nos entristecer e desanimar e em casos mais extremos pensarmos que não ocorrerá mais.
Mas, não se preocupe! Em Isaías 55:9 está escrit…

PERDER PARA GANHAR!

Todo ser humano gosta de competir, mostrar força, inteligência e habilidade. Somos criados assim. Desde os primeiros anos escolares nos incentivam a sermos melhores na escola, nos jogos, nas brincadeiras. Na faculdade, somos levados a olhar nossos colegas de classe como concorrentes no mercado de trabalho e por isso precisamos ser melhor que eles e assim vai. Não aceitamos perder, temos que ganhar sempre.  Mas e quando a perda chega ? Como lidaremos com ela? Estamos preparados para perder?

Quando olhamos para a Igreja contemplamos muitos que permanecem na visão do ganhar sempre. Frequentam a igreja buscando conseguir carros, casas, bons salários, enfim, toda sorte de bençãos materiais.

Deus em sua infinita sabedoria não vê como o homem e consequentemente trabalha de maneira diferente.  O trabalhar de Deus na vida do homem envolve perdas. O o mais importante para Ele é a Salvação do ser humano.

"Pois, que aproveitaria ao homem ganhar todo o mundo e perder a sua alma?" Marcos …