CAMPANHA A FAVOR DO PASTOR YOUSEF


Campanha para que o Senado Brasileiro interceda em favor do pastor Yousef
A Missão Portas Abertas convoca os brasileiros a pedir que o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), envie uma carta ao governo do Irã, apelando pela vida do pastor Yousef Nadarkhani, em nome do Senado Federal.

No último dia 29, o caso do pastor que corre risco de ser executado por ter se convertido do islamismo para o cristianismo no Irã foi exposto pelo senador Marcelo Crivella (PRB-RJ). Os senadores Ana Amélia (PP-RS), Aloysio Nunes (PSDB-SP), Jayme Campos (DEM-MT), Paulo Paim (PT-RS) e Geovani Borges (PMDB-AP) se solidarizaram com a causa revelada por Crivella.

Envie a carta pelos Correios:
Senado Federal 
Praça dos Três Poderes 
Anexo I, 6º andar
Brasília - DF 
CEP 70165-900

Por email: sarney@senador.gov.br

Ou mande mensagem pelo Twitter: @SenadoresBrasil

Abaixo, veja modelo da carta.  Você pode complementar com suas próprias palavras.

LOCAL, DATA

V. Ex.ª José Sarney,

Solicito que Vossa Excelência transmita ao governo do Irã, em nome do Senado Federal, este recurso em nome da vida do pastor iraniano Yousef Nadarkhani.
Este homem está sendo julgado pelo tribunal de Rasht devido as suas crenças religiosas e corre o risco de morte, conforme foi exposto no plenário do Senado Federal pelo senador Marcelo Crivella (PRB-RJ) no dia 29/09/2011.

Em aparte neste mesmo dia, o presidente da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), senador Paulo Paim (PT-RS), solicitou que fosse enviado à Embaixada do Irã, um documento em nome do Senado Federal, em apoio ao pastor.

Além de Paim, os senadores Ana Amélia (PP-RS), Aloysio Nunes (PSDB-SP), Jayme Campos (DEM-MT) e Geovani Borges (PMDB-AP) se solidarizaram com a causa revelada por Marcelo Crivella e declararam o apoio desta Casa.

Escrevo esta carta para expressar a minha preocupação com relação a esse caso. A execução de pena de morte por causa da conversão de Yousef ao cristianismo contraria o artigo 18 Declaração Universal dos Direitos Humanos e a Constituição iraniana, que claramente permite a liberdade para os cristãos manterem suas crenças e práticas religiosas.

Agradeço desde agora pela vossa atenção a este pedido. E reitero a importância de o Senado Federal se manifestar oficialmente sobre este caso, uma vez que Brasil e Irã desfrutam de boas relações diplomáticas. 

Respeitosamente e sinceramente,

ASSINATURA  e  RG



Fonte: Portas Abertas 

Através do portal CPADNews

Sem mais, fiquem na Paz!

Postagens mais visitadas deste blog

O QUE EU FAÇO NÃO ENTENDES AGORA!

PERDER PARA GANHAR!