Pular para o conteúdo principal

NOITE



Noite, escuridão temível... Se aproxima lentamente todos os dias, trazendo aquele vazio...

Como queria que fosse diferente... Como queria que tudo fosse diferente? Mas seria melhor? Faria mais sentido? Não tenho estas respostas... O que me resta é esperar...

Esperar por esta noite que demora a passar...

Noite...

Todos dormem, tranquilamente. Alguns no entanto sofrem com o dia que virá...

E eu? Com o que sofro? Não é com o dia que virá, certamente... O futuro não significa nada quando o passado se faz tão presente... O passado magoa, sufoca, mata... Por ele estou de pé, vendo a noite passar e me questionando perguntas difíceis...

Às vezes a dor não passa... Mesmo que você se esforce ou esteja convencido de que não há motivos para se ter dor... O que fazer então? Por que às vezes é tão difícil encontrar respostas?

Talvez esta noite não seja uma vã noite. Talvez esta escuridão não esconda minha dor por acaso... E se nada for por acaso? E se nada foi por acaso? E se isto acontece por que no fim das contas me foi dado a capacidade de suportar tudo isto?

Foi o que me perguntei... Eu me perguntava por que ainda estava aqui... Eu parecia a mim mesmo um inútil que chorava escondido e tinha pena de mim mesmo... E me perguntava por que ainda estava aqui? Se eu não fazia nada, por que isto? Mas talvez estar aqui não seja a pergunta, mas uma resposta... E se foi me dado a capacidade de suportar tudo isto? Se não suportasse, estaria eu aqui ainda?

Quem consegue se levantar diante de uma grande queda? Quem aprende a confiar sozinho? Não pedi por isto? Não pedi a suportar as dores? Por que fugiria de meu pedido?

Noite... Ela se aproxima de novo... e meu pedido ainda continua a ser feito... mesmo que doa lá no fundo... por que morro todos os dias, na esperança de ressuscitar todos os dias...


Autor desconhecido 

"...O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã." (Salmos 30:5)

Sem mais, fiquem na Paz!

Postagens mais visitadas deste blog

O QUE EU FAÇO NÃO ENTENDES AGORA!

Pedro não estava entendendo o gesto de Jesus em lavar os pés dos discípulos e não queria aceitar aquela atitude do Mestre. Mas Jesus sabia o que estava fazendo e queria mostrar mostrar algo mais para eles.

“Respondeu-lhe Jesus: O que eu faço, tu não o sabes agora; mas depois o entenderás” (João 13.7)
Quando Jesus nos promete algo, a nossa ansiedade nos leva a querer saber o que irá acontecer, como Ele vai fazer, quando vai ocorrer. Não raramente acabamos por querer influenciar de alguma maneira. Buscamos situações que se encaixam naquilo que Ele prometeu. Se é benção material pensamos na origem do dinheiro, como virá, será que vou ganhar algum prêmio? Será que vou receber de alguém? Se é benção espiritual, achamos que acontecerá no dia em que vem um pregador de renome na igreja ou um irmão com dons espirituais. Quando não ocorre nestas ocasiões costumamos nos entristecer e desanimar e em casos mais extremos pensarmos que não ocorrerá mais.
Mas, não se preocupe! Em Isaías 55:9 está escrit…

PERDER PARA GANHAR!

Todo ser humano gosta de competir, mostrar força, inteligência e habilidade. Somos criados assim. Desde os primeiros anos escolares nos incentivam a sermos melhores na escola, nos jogos, nas brincadeiras. Na faculdade, somos levados a olhar nossos colegas de classe como concorrentes no mercado de trabalho e por isso precisamos ser melhor que eles e assim vai. Não aceitamos perder, temos que ganhar sempre.  Mas e quando a perda chega ? Como lidaremos com ela? Estamos preparados para perder?

Quando olhamos para a Igreja contemplamos muitos que permanecem na visão do ganhar sempre. Frequentam a igreja buscando conseguir carros, casas, bons salários, enfim, toda sorte de bençãos materiais.

Deus em sua infinita sabedoria não vê como o homem e consequentemente trabalha de maneira diferente.  O trabalhar de Deus na vida do homem envolve perdas. O o mais importante para Ele é a Salvação do ser humano.

"Pois, que aproveitaria ao homem ganhar todo o mundo e perder a sua alma?" Marcos …