quarta-feira, 24 de agosto de 2011

CONSIDERAÇÕES INICIAIS SOBRE ESCATOLOGIA

Estatua vista por Nabucodonozor em seu sonho.
Daniel interpretou o sonho e trouxe revelações futuras,
algumas ocorreram, outras ainda ocorrerão.
Conforme prometido, devido ao interesse de leitores pelo assunto Escatologia, demonstrado em nossa última enquete, estou trazendo algumas considerações sobre o assunto de forma simples. Sei que muitos já ouviram falar do que aqui vai ser tratado, para outros será novidade. O importante é que meditemos no assunto e guardemos as palavras em nosso coração.

Introdução

“ENTRETANTO, o Espírito Santo nos diz claramente que nos últimos tempos alguns na igreja se desviarão de Cristo e se tornarão seguidores de mestre com idéias de inspiração diabólica” ITm. 4.1. Alguns falsos ensinadores têm introduzido no meio do povo de Deus ensinos deturpantes sobre as coisas que ainda hão de acontecer. Ë de se lamentar que essas heresias têm desviado muitos cristão que por sua vez perdem o gosto pelo verdadeiro ensino, contido nas Sagradas Escrituras, concernente ao futuro.

O estudo da Escatologia requer muita atenção e cuidado para não entrar na classe dos falsos mestres que Paulo enfatizou que, nos últimos tempos surgiriam.

Não é difícil o estudo sobre Escatologia, desde que o estudante dedicado busque a orientação de Deus que por sua vez iluminará a mente do seu discípulo. Uma coisa é certa: o Espírito Santo é o único e verdadeiro intérprete que merece toda a nossa confiança, no que tange a todo o conteúdo plausível da Bíblia Sagrada, o Livro de Deus.


I – DEFININDO O TERMO ESCATOLOGIA.

O termo escatologia deriva de duas palavras gregas: escathos e logos, que se traduzem por “últimas coisas” e “estudo” ou “tratado”. É o estudo ou doutrina das últimas coisas. É chamada bíblica, no nosso caso, porque ela pode ser extrabíblica.

No estudo da escatologia bíblica, é de caráter fundamental  ter o cuidado em não apresentar falsas interpretações, evitando, com isso, questionamento e especulações. Deus nos adverte dizendo que devemos “manejar bem a Palavra da verdade.”(II Tm.2.15). “Porque a visão é ainda para o tempo determinado, e até ao fim falará e não mentirá; se tardar, espera-o, porque certamente virá, não tardará”.(Hc.2.3).


II – ENTENDENDO O CAMPO DA ESCATOLOGIA BÍBLICA.

O que caracteriza o vislumbre do cumprimento das profecia no palco da escatologia, é a maneira de como Deus trabalha para mostrar a sua vontade, revelada na palavra escrita. Este trabalho consiste em ampliar a revelação divina, nos dando a entender que a palavra escrita continua em pé, revigorada pela forte atuação e inspiração do Espírito Santo de Deus. A ordem que o profeta Jeremias recebeu do Senhor foi esta: “escreve num livro todas as palavras que eu te disse”, Jr. 30.2.

Não podemos duvidar nem admitir falha na palavra de Deus. Ela é inspirada pelo Espírito Santo; 2Tm. 3.16. A inerrância das escrituras tem sua base na infabilidade da Palavra do Senhor.


Fonte: CACP Apologética
 
Continuaremos..........

Sem mais, fiquem na Paz!

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

ENQUETE



Na enquete feita neste blog o resultado não surpreendeu, mas me deixou feliz. O interesse por Escatologia (doutrina da últimas coisas), continua grande. Apesar do assunto ser de dificil exposição é necessário ter o minímo de compreensão do que está previsto para o futuro deste mundo. Como preciso aprender bastante também, selecionarei alguns artigos sobre o assunto para apresentar no blog.

Outro item escolhido foi a análise de desenhos a luz da bíblia. Já não é de agora que muitos desenhos, com conteúdos inapropriados as crianças, tem sido apresentado na tv. É necessário atenção, principalmente dos pais. Estes pequenos estão em formação e absorvem tudo rapidamente, sejam boas ou ruins. Precisamos desenvolvê-los, desafiando-os e direcionando para coisas que acrescentam. Não estou falando de privação, mas de orientação. Estarei, sempre que possível, trazendo alertas sobre desenhos que podem influenciar negativamente.

Graças a Deus, na enquete, poucos escolheram sobre escândalos no meio cristão. Realmente, estamos cansados de tantos falsos profetas, tantos mercadores da fé. Já basta o que vemos neste mundo. Não quero ter que aturar desvaneios de conhecedores da bíblia ou aqueles que se dizem evangélicos.

Oremos para que nosso agir seja diferenciado, para que a igreja não chame atenção por causa do joio, mas pelo que Deus tem feito e pode fazer nas vidas de quem se entrega a Ele.

Sem mais, fiquem na Paz!

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

JOGOS QUE PODEM MATAR!

Os jogos de videogame estão cada dia mais avançados. Os gráficos, as imagens, a movimentação, tudo é muito realista. Cada dia, novas tecnologias surgem, atraindo mais e mais crianças e jovens que passam horas diante da televisão.

Confesso que a atração é muito grande. Eu mesmo gosto de jogar corrida de carros, mas, se não fico atento, passo horas jogando. Por isso mesmo resolvi escrever sobre o perigo que pode ser a falta de limite para os jogadores e o tipo de jogos a que têm acesso.

Os chamados RPGs (role-playing game), são aqueles em que o jogador assume o personagem em primeira pessoa e podem levar a muito mais do que só fantasia. Prova disto é a quantidade de má influência contida em muitos jogos. Não generalizo, mas chamo atenção para algumas coisas que estes jogos contém: demonologia, feitiçaria, vodu, assassinato, insanidade, perversão, sexual, homossexualismo, prostituição, rituais satânicos, jogatina, barbarismo, canibalismo, sadismo, invocação aos demônios, necromancia, advinhação e etc. Parece brincadeira que jogos possam conter tudo isto, mas é verdade.

Agora, imaginem alguém que fica horas em frente a tudo isto. Como ficará sua mente?

Alguns casos demonstram que esta preocupação não é vã. Vejam só:

StarCraft (2005)
O StarCraft é um jogo multiplayer online em que você comanda uma frota de guerreiros espaciais. O game é tão popular que jogadores profissionais (sim, jogadores profissionais) chegam a ganhar US$ 100 mil por ano. Em 2006, um coreano de 28 anos, identificado apenas pelo sobrenome Lee, passou mais de 50 horas quase ininterruptas na frente de um computador. O rapaz sofreu uma parada cardíaca minutos depois de parar de jogar. O vício era tanto que Lee chegou a abandonar o trabalho para ficar mais tempo jogando.

Dragon Sabre (2005)

Qiu Chengwei, um morador de Shangai acabou matando Zhu Caoyuan, um amigo de jogo, após ter seu “Sabre do Dragão” vendido pelo colega. O “Sabre do Dragão” é uma arma virtual conquistada durante o jogo. Chengwei ainda tentou prestar queixa na polícia, mas foi ignorado porque o objeto não foi considerado “protegido por lei”. Chengwei eliminou o amigo a facadas.

Everquest (2002)

Shawn Woolley tinha 21 anos quando deu um tiro na sua própria cabeça enquanto jogava Everquest. Segundo relatos da sua mãe, o jovem passava mais de 12 horas na frente do videogame, o que provocava seguidos ataques epiléticos. Na ocasião, sua mãe chegou a abrir um processo contra a Sony, alegando que os games de estratégia viciantes deveriam ser classificados, assim como acontece com os cigarros, mostrando que “jogar por muito tempo pode causar danos à saúde”.

Warcraft (2006)

Xiaoyi, 13 anos, atirou-se da janela do apartamento onde morava com os pais após passar 36 horas jogando Warcraft sem parar. Curiosamente, uma carta escrita pelo garoto foi encontrada após sua morte. Nela ele dizia que iria morrer para “juntar-se aos heróis” do game. Seus pais também abriram processo contra a Blizzard, fabricante do jogo, alegando que a empresa descumpriu regras de defesa do consumidor, ao não deixar claro que o game é perigoso para a saúde.

Dinh The Dan (2007)

Em 2007, um garoto de 13 anos chamado Dinh The Dan matou uma idosa de 81 anos e roubou seu dinheiro para comprar um jogo online. Um relatório da polícia vietnamita mostrou que a mulher foi estrangulada com um pedaço de corda e, em seguida, enterrada num monte de areia na frende de sua casa. Devido à sua idade, ele não foi enviado para a prisão, mas para um campo de reeducação, que o colocará em liberdade por bom comportamento.

Xbox (2006)

O americano Tyrone Spellman, 27 anos, foi acusado de espancar e assassinar sua filha Alayiah Turman, de um ano e cinco meses, após a garotinha puxar os fios e derrubar seu Xbox. O homem ficou tão enfurecido que esmurrou seguidamente o rosto da criança. Tyrone ainda mentiu para a esposa, dizendo que a menina tinha caído da cama enquanto dormia.

Halo (2008)

O adolescente Daniel Petric, de apenas 17 anos, foi julgado por matar a mãe e deixar o pai ferido. O garoto se desentendeu com seus pais, após ser proibido de jogar o game Halo 3. De acordo com a acusação, Daniel, que havia passado cerca de um ano recluso em casa, jogando videogame e vendo tv, em virtude de uma grave infecção causada por um acidente de snowboard, estava muito excitado com a possibilidade de comprar um novo game para seu Xbox, o Halo 3. Como seus pais não estavam de acordo, ele decidiu contrariar a determinação e sair escondido. Ao chegar em casa, foi repreendido pelos pais, que guardaram o jogo em um cofre, junto com uma arma.

As últimas coisas que seu pai, Mark Petric, lembra daquele episódio são as palavras do filho: “Vocês podem fechar os olhos? Tenho uma surpresa para vocês“, logo depois, Mark lembra que foram feitos alguns disparos. Um dos tiros atingiu a cabeça da sua mãe, que morreu na hora e um outro atingiu uma parte não-letal do crânio do pai.

Devin Moore (2005)
Devin Moore, 20 anos, foi condenado à morte após ser considerado culpado pela morte de três policiais. Durante o julgamento, o advogado do rapaz tentou ilustrar uma realidade de abusos físicos e mentais e procurou mostrar que os games violentos, como o GTA influenciaram no seu comportamento. Roubar carros e matar policiais fazem parte jogo.


Recentemente, na Noruega mais de 70 pessoas foram mortas por um homem que afirma ter usado jogos de videogame como treinamento para os atentados. Ele escreveu um manifesto confessando. Por isso, as lojas da Noruega resolveram tirar jogos violentos das prateleiras.

Cuidado!!

Muitos estudos provam que imagens de violência nos games e na tv, causam aumento na violência até mesmo entre crianças. Além disto, games com temas violentos tornam os jogadores insensíveis a questão da violência e para com as vitímas de atos violentos.

Lembrem-se:

"Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm. Todas as coisas me são lícitas, mas eu não me deixarei dominar por nenhuma."(I Corintios 6.12)

Sem mais, fiquem na Paz!

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

O PIOR CEGO É AQUELE QUE NÃO QUER VER!

"Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais." (Efesios 6.12)

Outro dia, num comentário da postagem sobre um desenho chamado Firebreather, um leitor escreveu que vejo diabo/demônio em tudo. Falou ainda que eu deveria deixar de ouvir o que os pastores ensinam e ter minhas próprias opiniões.

Acho interessante colocações como esta, através dela podemos tirar diversas conclusões e constatar o quanto muitas pessoas estão cegas, espiritualmente falando.

Não espero que todos concordem com o que escrevo, mas infelizmente, muitos discordam baseando-se em puro achismo. A nossa luta não é carnal, ela é contra hostes espirituais, a bíblia é clara sobre isso.

Não vemos o nosso inimigo, mas está ao nosso derredor para tentar nos destruir.  Sabemos que Jesus Cristo tem nos guardado e por isto não somos atingidos.

Muitos não acreditam no mal, pois não querem sair da sua zona de conforto, do seu status quo. Preferem negar a existência ou a influência do diabo neste mundo e assim abrir mão de uma tomada de posição. Com isto não precisam de Jesus para os ajudar e perdoar os pecados, assim fica tudo no seu lugar.   

Imagine numa guerra, um exército que não acredita na existência do seu oponente apesar dos alertas do Comandante. Este inimigo teria grande vantagem e poderia agir livremente. Para Satanás, é comodo quando não acreditam nele, pois ele pode invadir e destruir vidas sem impedimentos. Devemos estar atentos para não cair em suas ciladas e ajudar outros a saírem de suas armadilhas.

"Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo." (Efésios 6.11)

"Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós." (Tiago 4.7)  
                                                                                                                                                    
Sem mais, fiquem na Paz!

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

"CREPÚSCULO" TRANSFORMA ADOLESCENTES EM "VAMPIROS" !


´Crepúsculo` transforma adolescentes em ´vampiros`, diz estudo
Se você é leitor assíduo da saga "Crepúsculo", cuidado para acabar não se envolvendo demais com a trama e achar que virou um vampiro.

Segundo um estudo entitulado "Tornando-se um vampiro sem ser mordido", algumas narrativas podem levar os pessoas a se tornarem parte do coletivo que está sendo descrito nos livros que estão lendo.

A pesquisa foi publicada na revista especializada "Psychological Science".

Para provar a tese, pesquisadoras da State University of New York, em Buffalo, dividiram 140 estudantes de 19 anos para lerem passagens de livros do bruxinho "Harry Potter" e da saga "Crepúsculo".

Após a leitura, eles tiveram de responder com quais palavras se identificavam de uma lista com coisas associadas à magia, como "poção", e às histórias de vampiros, como "sangue".

Eles também tiveram de avaliar questões como "O quão afiados são seus dentes?" ou "Você acha que conseguiria mover um objeto apenas com o poder da mente?", entre outros aspectos.

Os resultados apontam que os leitores de livros de Harry Potter tendem a se ver como bruxos, enquanto os que leram "Crepúsculo" associam eles mesmos a vampiros.

Para as pesquisadoras, esse tipo de assimilação da história ocorre por causa da necessidade que as pessoas têm de se sentir parte de um grupo, no caso o dos bruxinhos ou o dos vampiros.

Portanto, da próxima vez que for escolher um livro, preste atenção para não acabar se transformando em bruxo, vampiro ou coisa pior.

Fonte: Folha Online através do Portal CPADNews

Comentário do autor do blog:

Tenho muitas vezes, através de artigos neste blog, procurado alertar sobre a influência negativa que muitos filmes, desenhos, jogos causam em crianças, jovens e adultos. Esta pesquisa corrobora o que já falamos aqui. Portanto, fiquemos atentos ao que está sendo apresentado a nós e aos nosso filhos, selecionando tudo para que nossas mentes não sejam contaminadas.

"Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai." (Filipenses 4.8)
Sem mais, fiquem na Paz!

Leia também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...